CHEGANDO LÁ!

No Dia do orgasmo, especialista dá dicas

No Dia do orgasmo, especialista dá dicas

Tremor de pernas, calorão, pulsação acelerada, frenesi incontrolável… Acertou quem identificou que se trata da descrição de um orgasmo. Mas, afinal, o que causa essa sensação máxima de prazer e de puro relaxamento durante o sexo? De onde vem? É igual nos homens e nas mulheres?

No Dia Mundial do Orgasmo, celebrado amanhã (31), confira três curiosidades sobre essa “explosão” causada no nosso corpo explicadas pelo médico sexologista José Carlos Riechelmann, coordenador cientifico do Comitê Multidisciplinar de Sexualidade Humana da Associação Paulista de Medicina .

ORGASMOComo são as fases do ato sexual?

1. Desejo:

Esta é uma fase de ativação cerebral. Sua mente identifica algo e o almeja, mas nada pode ser observado de alteração no corpo.

2. Excitação:

Este capítulo depende de uma substância liberada no sistema nervoso chamada acetilcolina, que provoca uma congestão sanguínea na vagina e no pênis.

Na mulher: ocorre também o inchamento das mamas, das aréolas, dos mamilos, dos grandes lábios, da vulva, dos pequenos lábios, do útero e dos vasos sanguíneos em volta da vagina — esse inchamento causa o aumento da profundidade da vagina, que, na verdade, é o mesmo mecanismo que aumenta o tamanho do pênis. Só que o pênis é do corpo para fora, e a vagina é do corpo pra dentro.

No homem: existe o inchamento dos mamilos, dos testículos (que se elevam e ficam pendurados por um músculo chamado cremaster) e do pênis (que aumenta de tamanho do corpo pra fora).

massagem-tantrica-p-spot-gr3. Orgasmo:

Com o acontecimento do orgasmo, ocorre uma “marcha ré” nesses fenômenos todos descritos no item anterior. Há a liberação de noradrenalina, que provoca a contração dos vasos e, consequentemente, o esvaziamento da congestão. Ou seja, os órgãos murcham.

Como são as atividades cerebrais de homens e mulheres durante o sexo?

A principal diferença é em relação ao que excita mais: no homem, é imagem; na mulher, é o tato, a sensação de pele. Uma coisa importante: é preciso estar na mente dos dois a questão da fantasia sexual, isso é um fator fundamental para o cérebro funcionar durante a atividade sexual. Quando acontece o orgasmo, há a liberação de um neurotransmissor chamado de anandamida, que, no cérebro, proporciona a sensação de prazer.

A atividade cerebral de quem não atinge o orgasmo é similar à de quem o atingiu?

Não.

Mulher: ela vai ficar com os órgãos estufados por muito mais tempo do que ficaria se tivesse atingido o orgasmo. O corpo pode levar horas para voltar ao normal. Isso provoca uma sensação de peso, até uma cólica, parecida com a sentida no período menstrual.

Homem: pode ter uma sensação de dor nos testículos. Principalmente por causa da cãibra que acontece nos músculos que levantam os testículos. Como não aconteceu o orgasmo, os músculos não relaxam, ficam contraídos por muito tempo, e isso causa cãibra e dor.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s